Agência Nacional de Petróleo realiza leilão e arrecada 8$ 8,9 bilhões

A Agência Nacional de Petróleo, Gás e Biocombustíveis (ANP) levou a leilão nesta quinta-feira (10), 36 blocos exploratórios de petróleo e gás. Foram arrecadados R$ 8,915 bilhões em bônus de assinatura, um novo recorde nas recentes rodadas de concessões, para o Tesouro Nacional. O investimento mínimo previsto para os blocos é de R$ 1,579 bilhão. Segundo a ANP, o ágio total do leilão ficou em 322,74%. Se todos os 36 blocos tivessem sido arrematados pelo valor mínimo, a arrecadação de bônus teria ficado em R$ 3,216 bilhões. Nenhum dos blocos nas bacias localizadas no litoral nordestino recebeu ofertas. A concessão dos blocos no litoral da Bahia era contestada por ambientalistas, diante da possibilidade de riscos para o parque marinho de Abrolhos.

Larissa Diamantino

Download